Facebook Vitalis   Instagran Vitalis    Email Vitalis

*** ALERTA COVID-19 *** 
ESTAMOS ATUANDO FORTEMENTE NA PREVENÇÃO E ENFRENTAMENTO DESTA EPIDEMIA, COM MEDIDAS VOLTADAS A NOSSOS MORADORES, FAMILIARES, FUNCIONÁRIOS, FORNECEDORES E SOCIEDADE. CONTAMOS COM A COMPREENSÃO E COLABORAÇÃO DE TODOS (saiba mais).

Osteoporose e nutrição

A perda óssea é um processo fisiológico que tem início na vida adulta e continua durante a velhice. A osteoporose ocorre quando essa perda ultrapassa 25% e o esqueleto pode sofrer fraturas por traumas mínimos. Hoje ela acomete cerca de 10 milhões de brasileiros e 200 mil pessoas morrem anualmente em decorrência de complicações de fraturas.

Continue Lendo

Cuidados com os medicamentos

Os idosos são a fração populacional que mais consome medicamentos. Além disso a expectativa de vida está aumentando constantemente no Brasil. Isso nos leva a uma preocupação sobre os riscos inerentes ao uso de medicamentos nesta faixa etária. As alterações fisiológicas que ocorrem normalmente com o envelhecimento aumentam o risco de reações adversas, interações medicamentosas e interações entre medicamentos e alimentos. Desse modo, muitos fármacos seguros para a população adulta passam a ser inapropriados aos idosos.

Continue Lendo

Desidratação no idoso

Ao longo da vida, passamos por vários ciclos em que mudanças fisiológicas específicas caracterizam cada fase. No envelhecimento não é diferente. Um dos cuidados nutricionais mais importantes com a pessoa idosa é a sua manutenção hídrica. Dentre as alterações sensoriais no envelhecimento está a hipodipsia, que é a diminuição do número e da sensibilidade de receptores corporais responsáveis pelo controle da sede. Em poucas palavras, o idoso sente menos sede mesmo que seu corpo esteja necessitando de água. Por isso, essa faixa etária é mais propensa a desidratações.

Continue Lendo

Oficinas Terapêuticas: Intervenções da Terapia Ocupacional no atendimento de idosos

A Terapia Ocupacional é uma das profissões que compõem os programas de reabilitação de idosos. Seu atendimento à pessoa idosa visa maximizar a independência e a autonomia, identificar e otimizar as habilidades residuais, a restauração das habilidades funcionais e, sobretudo, aprimorar ou resgatar os vínculos sociais. Não menos importante, essas ações devem considerar a participação da própria pessoa, de seus familiares e cuidadores, propiciando fatores importantes para seu bem-estar como significado existencial, autodeterminação, desenvolvimento positivo e qualidade de vida.

Continue Lendo

A violência e a pessoa idosa, uma triste realidade

Há algum tempo a ONU tem manifestado preocupação com a pessoas idosas. Em 1982, durante a Assembleia Mundial sobre o Envelhecimento em Viena, redefiniu a idade para ser considerado velho nos países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento, baixando de 65 para 60 anos. A ideia era aumentar quantitativamente essa população, tornando-a mais visível aos olhos dos gestores públicos e políticos, demandando estratégias que repercutiriam no âmbito qualitativo desta população. E isto realmente funcionou aqui no Brasil...

Continue Lendo

  • 1
  • 2

Nossa missão

Propiciar acolhimento e sentido à velhice dos nossos clientes e satisfação profissional dos que conosco trabalham.

Nossos valores

Vitalis Bororo Valores

Nós apoiamos esta causa